2022
jan
29
Notícias

Jornada Pedagógica 2022 abre ano escolar no Padre de Man

Nesta sexta-feira, 28/01, aconteceu a Jornada Pedagógica 2022 do Colégio Católica Padre de Man, no Teatro João Paulo II. O evento faz parte da abertura do ano escolar e reúne mais de 100 professores e professoras do CCPM e do CECMG, de Timóteo, também do Grupo UBEC. A Jornada contou com a presença de Daniel Galelli, gerente corporativo de Educação da UBEC, da diretora Ledsônia Ferreira e de Genésio Zeferino, reitor do Unileste. Os docentes participaram de palestras sobre as diretrizes do novo ano letivo e de um momento de religiosidade com o diácono Ronaldo de Carvalho, coordenador de Pastoralidade do CECMG.

Docentes dos dois colégios assistiram palestras no Teatro João Paulo II

Para Daniel Galelli, o grande desafio é começar o ano letivo de uma maneira leve, mas intensa em energia. “É a oportunidade de um início muito sereno, mas com muita energia, buscando ao máximo o conceito de acolhida, de acolher os nossos jovens, nossos alunos e familiares, para que a gente possa ter um início de ano mais produtivo e feliz possível”, diz. Daniel também teve a oportunidade de conversar com as famílias dos novos alunos nesta quinta-feira, véspera da Jornada.

 

Segundo Ledsônia Ferreira, diretora geral dos colégios de Minas (CCPM e CECMG), a Jornada Pedagógica foi dividida em dois momentos: um de alinhamento e outro de sensibilização do professor. “É para que o professor leve como inspiração para a sala de aula o humanismo solidário, os valores da UBEC e traduza esses valores na sua prática na sala de aula. Um primeiro momento de inspiração e um segundo momento de alinhamento”, conta. A diretora completa que por ainda ser ano de pandemia, o momento é de muito desafio para acolher principalmente os alunos de diferentes escolas, com diferentes níveis de aprendizagem. “Os professores sentem na jornada por meio dos estudos e das palestras, um direcionamento para um trabalho mais assertivo”.

Ana Júlia: “a gente precisa desse despertar, dessa motivação”.

A professora de inglês Ana Júlia avaliou o encontro como extremamente necessário, especialmente por como foi o desafiador ano de 2.021 e as expectativas para 2.022. “Achei muito interessante começar de uma forma mais envolvente, começando com uma forma mais cultural, dando espaço para que a gente se sentisse mais acolhido e começar 2022 com o pé direito”. A docente revela que muitas vezes a carreira do educador pode parecer um pouco solitária, mas o trabalho em equipe ajuda a seguir em frente. “A gente precisa desse despertar, dessa motivação. A gente tem que lembrar que tem toda uma equipe, todo um sistema que faz parte para poder nos ajudar”, finaliza.

Publicado por Marco Neves